Confira os 4 erros para evitar ao abrir uma franquia

Muitos empreendedores veem no franchising uma excelente oportunidade de abrir o próprio negócio. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento do setor avançou em 8% de 2015 a 2016, mesmo com a crise afetando a economia do país.

Contudo, para abrir uma franquia e obter sucesso com a unidade, é preciso tomar alguns cuidados para evitar erros fatais que poderão levar o negócio à falência.

Conhecer o funcionamento de uma franquia, ter um bom controle financeiro e afinidade com a marca e o produto escolhido são algumas das características essenciais para obter sucesso como franqueado. Para maximizar as chances de êxito, é importante conhecer e evitar os erros mais comuns (e prejudiciais) para o seu negócio.

Confira quatro erros que devem ser evitados:

1. Não entender como funciona uma franquia

Muitos franqueados não entendem como funcionam os processos de sua unidade até o dia da inauguração.

É importante conhecer o funcionamento do modelo de negócios, quais são as atribuições do franqueado e da franqueadora, quais são os números da franquia e, principalmente, como funcionará a operação no dia a dia da empresa.

Para conhecer o funcionamento do modelo de negócios, visite uma unidade (se possível, mais de uma) para conhecer sua operação. Além disso, leia a Circular de Oferta de Franquia para ter conhecimento dos números e informações importantes sobre a marca.

2. Não ter bom controle financeiro

Muitos empreendedores contam apenas com o dinheiro do investimento inicial para tocar suas unidades. E isso é um erro que, além de comum, é extremamente prejudicial.

Sem um fluxo de caixa adequado, ela poderá quebrar caso algum imprevisto aconteça (e sempre acontece). Além disso, manter o dinheiro rodando será importante para o funcionamento do negócio.

É importante ter bom controle financeiro para que a sua unidade não quebre. Caso você não seja bom com números, considere contratar um contador para integrar a sua equipe.

3. Não ter afinidade com a área escolhida

Não ter afinidade e paixão pela área escolhida fará com que os desafios da franquia pareçam maiores aos olhos do franqueado.

Um erro comum é escolher uma franquia por impulso, principalmente em uma área que o empreendedor desconhece. Além de afinidade com o setor de atuação, o franqueado precisa entender e conhecer os principais números do mercado para saber se o investimento valerá a pena.

A afinidade com o setor será essencial para manter o franqueado motivado e pronto para lidar com os desafios do seu segmento.

4. Não escolher o ponto comercial ideal

Muitos especialistas afirmam que a escolha do ponto ideal influencia em 50% no sucesso da unidade. Isso ocorre porque a sua localização será essencial para o desempenho das vendas.

Para evitar a má escolha do ponto comercial, converse com a franqueadora e siga as instruções dadas. Mesmo que o valor do aluguel seja alto, a localização ideal trará os resultados esperados para a unidade.

Mesmo que o franchising seja, atualmente, um modelo de investimento mais seguro do que as empresas tradicionais, é preciso muita atenção para realizar uma boa gestão e entender o funcionamento do modelo. A partir daí o êxito no investimento será certeiro.

E para você aumentar as chances de ser bem-sucedido, confira os 9 segredos por trás das franquias de sucesso no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *